Notícias

Reportagem JTV UFMA

Agentes de Endemias realizam visitas em casas de São Luís

O objetivo é conscientizar a população sobre a gravidade da dengue, além de manter o controle.

 

 

 

 

Os mosquitos do gênero Aedes são grandes veículos de doenças. Como exemplo de doenças provocadas por esse mosquito, pode-se destacar a dengue, a chikungunya e a zika. Essas enfermidades são conhecidas como doenças endêmicas, visto que ocorrem em áreas específicas de uma região ou com grande incidência em um espaço limitado chamado “faixa endêmica.”.

Por anos no Brasil, essas doenças de cunho parasitárias foram o foco da saúde pública. Com a chegada da urbanização, saneamento básico e outras estratégias de controle, foi possível notar uma queda no quadro de infectados por essas enfermidades que também podem ser transmitidas por mosquitos.

No Maranhão, houve um aumento de casos de dengue em 403% nos primeiros meses deste ano até outubro. Em 2021 foram cerca de 950 casos e neste ano, esse número subiu para 4.772. Dada à gravidade do problema, visitas são realizadas por profissionais específicos em casas e comunidades com o objetivo de manter o controle dessas infecções e conscientizar a população sobre os cuidados que devem ser tomados. São chamados de Agentes de Endemias. 

Ainda que os Agentes estejam disponíveis para esses serviços, dificuldades para ter acesso às casas da região são encontradas diariamente.

 Saiba mais na reportagem do JTV UFMA